Foi o que deu, quando misturei meus enfeites e feitiços.
Coisas de Isa,
que quer deixar a vida mais bela!



Quando eu ia me casar eu fiz uma agenda em que registrava todos os acontecimentos e compromissos relacionados ao casamento.

Um belo dia eu comprei esse casal de noivos, que há mais de dez anos fica posicionado bem no centro da porta do congelador daqui de casa.

Escolhi essa imagem para ilustrar esse post sobre a terceira personalidade do casal.
É o que eu acredito que acontece quando duas pessoas estão juntas há muito tempo. A gente tanto cede, negocia, e adapta em favor do "meio termo", do que agrada aos dois, que acaba esquecendo um pouco daquilo que gosta pessoalmente, de exercer a nossa individualidade.

Um exemplo é o que aconteceu comigo na semana passada.
Tem feito muito calor no Rio, mais do que estamos acostumados, e lá pelo 6º dia dormindo com calor, apesar do ventilador de teto ligado no nodo exaustão (o ar vai para cima e refresca o ambiente, mas não vem diretamente em você), eu me dei conta que não precisava ser assim.
Meu marido é muito alérgico e não pode dormir com o vento diretamente nele, por isso usamos a exaustão, mas ele já tinha voltado para Americana, para onde ele foi transferido e passa a semana.
Ou seja, eu estava tão habituada com o comportamento conveniente para o casal, que mesmo sozinha esqueci que poderia escolher o que fosse mais conveniente para mim.

Não é nada grave, nem estou dizendo que a gente se anula em função do relacionamento, mas me impressionou o tempo que eu levei para perceber que eu repetia um comportamento que tinha sido estabelecido em função de uma variável que não estava presente no momento.

Foi um excelente alerta para mim. Quantas coisas será que eu continuo fazendo porque sempre foram desse jeito, ou porque estou acostumada que sejam assim ?? Não quero ficar estaganada ! É preciso mudar, nem que seja por exercício. Experimentar coisas novas, buscar outras opções. A oferta é tão grande, podemos e devemos ir cada vez mais longe. Eu acredito que essa é a nossa responsabilidade com a vida.

5 comentários:

Alice disse...

Ai adorei o post! Fique encucada também rsrsrs que coisa...
Meu marido está viajando e estou aqui pensando kkkkkkk acabou o leite que estava na geladeira e coloquei outro fechado pra gelar... sendo que SÓ ELE toma gelado... estou impressionada, é automático!
Bjãoooo!
Alice.

Alice disse...

obrigada pelo post e pelo alerta! rs

Lidiane Vasconcelos disse...

Pois é, Isabela. Parece que isso acaba acontecendo num detalhe ou outro da vida do casal. Obrigada por me fazer pensar a respeito... ;)

Fernanda Reali disse...

Excelente!
Vou twittar o post hoje e amanhã vou pôr o link num texto do meu blog.
Amei.
Falou pouco e disse muito.
Beijos

Carol disse...

Adorei teu post!
Isso realmente acontece e sorte têm as pessoas que se dão conta da situação a tempo de modificá-la. Porque senão a pessoa vai ficando frustrada sem saber por que e a situação pode ficar irreversível!

Bjs!